Raimundo Carneiro – A Última Hora

Por em 21 / fevereiro / 2017

 

Esse texto é parte integrante do livro do pastor Raimundo Carneiro: A Última Hora

Com o início da Revolução Industrial o volume de produção aumentou consideravelmente, a produção de bens deixou de ser manofaturada e passou a ser maquinofaturada, a humanidade passou a ter acesso a bens industrializados, e como consequência tivemos o aumento do êxodo rural para os grandes centros urbanos em busca de trabalho, as industrias estavam concentrando em seus galpões centenas de trabalhadores, que trocavam a sua força de trabalho por um salário. Uma das consequências mais impactantes da Revolução Industrial foi o rápido crescimento econômico. O processo econômico era muito lento, levavam séculos para a renda per capita crescesse de forma significativa. Após a elevação dos padrões econômicos, tivemos outro fenômeno a auta relevância: “A grande explosão demográfica”.

A população cresceu de forma assustadora, só para fazermos uma comparação, na década de 60 eramos 2,5 bilhões de habitantes em todo mundo. Utilizando uma estatística bíblica da idade do homem sobre a face da terra, que é de aproximadamente seis mil anos, (teoria do criacionismo), então foram necessários seis mil anos para sairmos de duas pessoas; Adão e Eva; e chegarmos a 2,5 bilhões de seres humanos. A população mundial hoje, no ano de 2015, chega aproximadamente ao surpreendente numero de 7 bilhões de habitantes. Vamos agora raciocinar um pouco: gastamos 6 mil anos para sairmos de 2, apenas 2 habitantes, e chegarmos 2,5 bilhões, e em apenas 50 anos triplicamos esse numero, saimos de 2,5 bilhões para 7 bilhões de habitantes, e crescendo. Algo novo, algo surpreendente esta acontecendo, precisamos de um parâmetro para nortear as nossas vidas, e a Palavra de Deus nunca foi tão necessária como agora, embora seja o livro mais publicado, porem, é o livro menos lido, por isso. Os novos relatos que iremos apresentar, tem a finalidade de aumentar a sua fé e o seu interesse em depositar toda a sua vida e esperaça na Palavra de Deus.

Entre todas as transformações que presenciamos no último século, o desenvolvimento não sustentável trazido pela Revolução Industrial, consequentemente a busca do homem por um modelo de vida extravagante, tem impactado profundamente o planeta e a sustentabilidade dos recursos naturais não renovaveis, trazendo mudanças radicais no comportamento do clima em todo mundo. Termos como: Mudanças Climáticas, aquecimento global, efeito estufa, aumento do nivel do mar, já estão fazendo parte do nosso cotidiano; a cada instante surge uma nova preocupação com a saúde global do planeta. A cada solsticio de verão no hemisfério sul ocorre uma avalanche de acontecimentos relacionados com as forças da natureza. De dezembro de 2004 a março de 2010, ocorrera em todo mundo cerca de 300 mil terremotos significativos (acima de 5 pontos na escala Richter), O Chile e o Haiti respectivamente foram os países que mais sofreram com esses eventos; centenas de milhares de vidas foram ceifadas. Em outras partes do mundo, por exemplo, Índia e China, inundações causadas por fortes chuvas sem precedentes deixaram milhões de pessoas desalojadas e desabrigadas, nos Estados Unidos da América os cientistas estavam prevendo um recorde de tufões e furações dentro de seu território com estimativa de 12 para todo o período, na verdade ocorreram 28 mais do dobro previsto. No Brasil eventos tais como a passagem do primeiro furacão registrado no hemisfério sul, Katarina, considerado como um fato inédito para a comunidade científica; os autos índices pluviométrico nas regiões sul e sudeste, o avanço progressivo da desertificação no semi árido nordestino, e outros eventos que discorreremos nos próximos capítulos, o que nos leva a refletir que alguma coisa de extrema relevância esta acontecendo, fenômenos que iram produzir mudanças profundas para toda a humanidade, redirecionando o nossa forma de pensar, agir e se relacionar com o todo e com todos. O que a Bíblia tem a nos dizer a respeito deste assunto? Quais profecias estão inseridas neste contesto? Será um prenúncio, mais uma placa de sinalização de aproximação para o arrebatamento da igreja e a volta de Jesus? Existe algum contexto na Bíblia que justifique esses acontecimentos?

Vamos começar apresentando um momento de grande tensão para os discípulos, quando Jesus começa a citar em seu sermão profético, alguns acontecimentos que justificariam a surgimento de um período chamado “Princípio das Dores” e a sua segunda volta a este mundo. Gostaria de chamar a atenção para alguns versículos que se encontram no livro de Lucas capítulo 21 versículos 8 e 9:

               8- Disse então: Vede não vos engane, porque virão muitos em meu nome dizendo: Sou eu, e o tempo esta próximo; não vades portanto após eles.        

               9 – E, quando ouvirdes de guerras e sedições, não vos assusteis. Porque é necessário que isso aconteça primeiro, MAS O FIM NÃO SERÁ LOGO.

Jesus começa a relatar diversos acontecimentos que iriam sinalizar o rumo de toda a humanidade para um Dia Final, surgimento de falsos profetas anunciando justamente que o fim estaria próximo, problemas sócio-políticos como as guerras e seus rumos ou sedições, porem Ele nos da o primeiro alerta “ NÃO VOS ASSUSTEIS”. “Porque é necessário que isso aconteça primeiro, MAS O FIM NÃO SERÁ LOGO”. O que Ele estava querendo dizer com o Fim não será logo? Que, embora a força desses acontecimentos se destacassem como um presságio para a sua volta, o mundo iria viver momentos muito mais relevantes, os quais iriam denunciar com mais veracidade e precisão o surgimento de um novo Reino sobre a face da terra, um Reino de justiça e equidade que jamais terá fim. LEIA MAIS NO LIVRO:

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *