A transformação do nosso caráter

Por em 21 / fevereiro / 2017

INTRODUÇÃO:

Todos nós buscamos ser bem sucedidos em todas as áreas de nossa vida, não é mesmo? Desejamos um relacionamento íntimo com Deus, um casamento feliz, filhos bem encaminhados e uma vida profissional e material com estabilidade. Mas por que esta realidade tem se tornado tão distante de nós ultimamente? O que tem faltado a nossa geração para que tenhamos uma vida bem ajustada, feliz e próspera?

A verdade é que não devemos ir atrás apenas do resultado final daquilo que desejamos, pois o que sonhamos para nossas vidas só virá se conseguirmos ter um caráter próspero daquele que prospera. Isso sim será o alicerce para a edificação de nossos sonhos e desejos! E esse caráter, que é gerado em Deus, te levará a enxergar o melhor Dele em sua vida! Você fará parte de uma geração de sonhadores que verão a prosperidade do Senhor.

DISCUSSÃO: Vejamos os cinco passos que devemos tomar para gerar em nós o caráter daquele que prospera:

    1) Buscar a face de Deus

Tudo o que precisamos, nós só encontramos em Deus! Ele é a fonte de todas as coisas. Sendo assim, devemos guardar parte de nosso tempo para estarmos com Ele. Quando a Palavra nos diz que de madrugada se deve buscar ao Senhor, ela está se referindo à tranquilidade que costuma existir nessa hora. No meio da noite quase não existem situações que podem interromper o nosso contato com o Pai. Todos que desejam adquirir o caráter daquele que prospera devem, antes de tudo, buscar a face de Deus e cultivar momentos de qualidade com ele (Daniel 6:10). Só seremos moldados pelo agir do Espírito Santo nos momentos de íntima comunhão com o Senhor. A transformação do nosso caráter virá à medida em que nos abrirmos a Ele.

   2) Clamar pela misericórdia de Deus

Um clamor verdadeiro por misericórdia só sai dos lábios de quem reconhece sua verdadeira condição de pecador. O primeiro fruto de uma vida aos pés do Senhor é a convicção de quem realmente somos, e o passo seguinte a essa entrega é um coração quebrantando. Então, nasce dentro de nós um profundo clamor por misericórdia, pedindo ao Senhor que nos transforme segundo o Seu querer.

            3) Guardar a pureza do coração

O salmista diz que “como é feliz aquele que o Senhor não atribui culpa e em quem não há hipocrisia” (Salmo 32:2), pois ele não alimenta maus pensamentos em seu coração. Temos que manter o coração longe das mágoas, das diferenças, das invejas e de qualquer outro sentimento que possa nos tirar da direção de Deus, pois sabemos que sobre tudo o que se deve guardar, devemos guardar o coração, pois dele depende toda a nossa vida. (Provérbios 4:23). Por isso, temos que apresentar, todos os dias, o nosso coração ao Pai celestial, clamando a Ele que nos purifique de todo o sentimento ruim que possa nos impedir de alcançar um caráter daquele que prospera. Peçamos ainda que Ele nos transforme no templo onde serão gerados todos os Seus planos.

4) Caminhar em retidão

A nossa caminhada deve ser marcada por uma conduta irrepreensível. Um filho de Deus deve andar em retidão, sempre focado nos propósitos do Pai e em Sua justiça. Sua vida, seus negócios, a forma com que ele trata o próximo devem ser baseados na verdade e honestidade. Aquele que consegue caminhar assim se transforma em um celeiro de bênçãos do Senhor! A Bíblia diz: “(…) ele se levantará agora mesmo em seu favor e o restabelecerá no lugar que por justiça cabe a você” (Jó 8:6). Temos que virar as costas para todo o padrão mundano, que é comprometido com a mentira e o engano e seguir o mandamento de Deus que nos ordena a não nos conformarmos a este mundo (Romanos 12:2).

          5) Acreditar e confiar na manifestação da Palavra

Quem caminha com Deus sabe que Ele sempre o conduzirá para o melhor e não precisa andar inquieto por coisa alguma (Filipenses 4:6), pois é o Senhor quem está no controle de sua vida; sabe que tudo virá no tempo certo. A promessa é clara de que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam ao Senhor (Romanos 8:28) é muito clara e foi gravada pelo Espírito Santo no coração do fiel.

        CONCLUSÃO:

Essa é uma verdade que não tem como ser questionada: o servo de Deus, logo que é chamado, começa a sua caminhada bem pequeno; porém, crescerá de forma grandiosa no final da caminhada (Isaías 51:2). Assim, irmãos, devemos crer na Palavra de Deus e viver os seus princípios. Veremos, então, que ela se confirmará em nossas vidas, primeiro nos dando um caráter transformado e, depois, nos levando às grandes bênçãos que o Pai tem reservado àqueles que O obedecem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *